Ir direto para menu de acessibilidade.

Novos equipamentos colocam neurocirurgia da Fundação Hospitalar entre as mais modernas do país

por Sesacre | publicado 6 de março de 2020 | última modificação 6 de março de 2020

O Instituto de Neurocirurgia e Neurologia da Amazônia Ocidental, localizado no complexo cirúrgico da Fundação Hospitalar, ganhou dois importantes equipamentos para a realização de cirurgias de alta complexidade e assegurou mais um ousado avanço na Saúde pública do Acre, no início desta semana.

Nova mesa e novo microscópio modernizaram e asseguram mais eficiência na realização de neurocirurgias na Fundação Hospitalar Foto: Marcos Vicentti/Secom

A aquisição de uma moderna mesa já permite que a equipe médica não necessite movimentar o paciente durante o procedimento, assegurando ainda mais eficiência para os profissionais e segurança ao cirurgiado.

O microscópio com tecnologia de bioluminescência demonstra o interesse da atual gestão em poder proporcionar os melhores e mais sofisticados equipamentos na rede hospitalar. Em todo o país, são apenas 13 aparelhos, a maioria em hospitais particulares renomados. Investimento estimado em R$ 1,5 milhão.

Apenas 13 microscópios de bioluminescência estão disponíveis no país Foto: Marcos Vicentti/Secom

“Este equipamento traz mais segurança às cirurgias porque possui uma série de recursos que permite, por exemplo, fazer quase que um cateterismo operatório. Isso coloca a Fundação Hospitalar como um hospital de referência no Brasil e na neurocirurgia”, explicou o médico neurocirurgião Bruno Lobo.

Três cirurgias já foram realizadas com sucesso na Fundhacre utilizando a nova tecnologia disponível. Procedimentos como a retirada de tumores e aneurismas estão entre os mais comuns. Somente no último mês de fevereiro, 36 intervenções cirúrgicas ocorreram no local.

Gladson Cameli afirma que melhorar a Saúde é o maior desafio da gestão

O governador Gladson Cameli fez questão de conhecer de perto o setor de neurocirurgia da Fundação Hospitalar nesta quinta-feira, 5. O gestor ficou impressionado com tamanha tecnologia para atender os pacientes que dependem do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Tenho percorrido as secretarias e os demais órgãos do Estado para conversar com as pessoas, verificar os problemas e também conhecer os avanços alcançados na nossa gestão. Fiquei muito feliz por saber que já temos equipamentos de ponta aqui na Fundação Hospitalar e que são utilizados por grandes hospitais. Muito bom constatar que conseguimos esse importante avanço na realização de neurocirurgias e vamos continuar trabalhando ainda mais para que o nosso povo tenha saúde de qualidade”, frisou Gladson.

Assegurar Saúde de qualidade para a população é prioridade do governador Gladson Cameli Foto: Marcos Vicentti/Secom

Cameli não tem medido esforços para melhorar a Saúde pública acreana. Em seu governo, conseguiu inaugurar o novo Pronto-Socorro de Rio Branco; a Unidade de Pronto Atendimento de Cruzeiro do Sul; reformou o Hospital da Família do Jordão; e ainda fez a contratação de diversos profissionais para assegurar o atendimento aos pacientes na rede hospitalar.

Abandonado pela antiga gestão, Gladson revelou que concentrará esforços a partir de agora para reativar por completo o Hospital do Câncer. Parte da estrutura entrou em reforma há três anos e comprometeu significativamente o atendimento aos pacientes, principalmente, os serviços de quimioterapia, radioterapia e tomografia.

Governador Gladson Cameli e parte da equipe de neurocirurgias da Fundhacre Foto: Marcos Vicentti/Secom

“Considero a Saúde como o maior desafio da minha gestão. Sei que a situação não está fácil, mas jamais fugi das minhas responsabilidades. Quero resolver essa situação do Hospital do Câncer o quanto antes. Nos próximos dias, estarei empenhado nesta questão para que essa unidade volte a funcionar e os pacientes não precisem mais fazer o tratamento em outros estados”, pontuou.